O que é o neuromarketing e como funciona

O que é o neuromarketing e como funciona

Consegues explicar porque é que achas a Apple tão "cool"? O neuromarketing consegue.

O neuromarketing é um novo campo interdisciplinar que liga as áreas da Psicologia, Neurociências e Marketing. 

Graças ao neuromarketing actualmente é possível perceber melhor as decisões de compra dos consumidores e medir em tempo real a sua interacção com os estímulos de marketing, por exemplo, com determinados produtos, com a identidade visual das marcas ou com a sua publicidade.

Isto porque a maior parte das nossas decisões são feitas no subconsiente e torna-se difícil explicar por palavras o que faz despoletar a nossa decisão de compra ou porque é que achamos que certas marcas são "cool". 

No fundo o neuromarketing não faz mais do que estudar a forma como o cérebro é fisiologicamente afectado pelas estratégias de marketing, monotorizando todas as reacções neurológicas do consumidor (cognitivas, afectivas e senso-motoras) - utilizando para isso tecnologias que já eram familiares das neurociências como a “Topografias de estado estável” (SST), a “Imagiologia por ressonância magnética funcional” (iRMf), a “Electrocefalografia” (EEG), a “Descodificação facial”, análises de voz ou “Eye tracking”. 

Neste video a jornalista Jessica Howard da TV Bloomberg relata a sua experiência durante um teste realizado pela empresa SEREN que pretendia analisar a resposta do seu cérebro aos estímulos provocados pelos websites de marcas como a Apple ou a Samsung.

Este teste permitiu medir as suas emoções enquanto navegava dentro de vários websites e analisar o seu grau de frustração, excitação e até de confiança nas várias marcas. Curiosamente o seu nível de stress afectou os níveis de frustração quando visualizava o website da sua empresa.

O neuromarketing pode ser especialmente importante na análise do impacto dos anúncios publicitários uma vez que pequenas alterações nas cores, imagens e disposição de produtos podem ter um impacto brutal na resposta dos consumidores.

Sabe mais no video:

Photo courtesy of: Dierk Schaefer via photopin cc